teens

Adolescentes Ficam Para Trás na Adoção Dos eBooks

da Redação Ebooks, Notícias Deixe um comentário

Falamos sobre diversos dados, mas acabamos não nos concentrando nos buracos delas. O mercado de eBooks cresce, livros infantis estão ganhando espaço, etc. Mas não está faltando alguém aí?

Na semana passada falei a respeito dos jovens, e minha preocupação se confirma nesses dados apresentados na conferência Children’s Publishing Goes Digital, que aconteceu no último dia da Digital Book World.

Após uma extensa pesquisa que envolveu 1000 pais de crianças de 0 a 12 anos e 1000 jovens de 13 a 17 anos, os resultados foram os esperados, mas bem detalhados. A adoção do livro digital por crianças está indo muito melhor do que a adoção pelos jovens.

É interessante notar que mais 85% das compras de livros infantis são feitas por impulso, e as livrarias físicas ainda são o melhor lugar para descobrir novos títulos. Além disso, o pedido de uma criança influencia 52% das compras.

No quesito digital, pais costumam compartilhar com os filhos seus gadgets, e 27% das crianças possuem seus próprios aparelhos (novos ou herdados dos pais): 25% possuem um iPhone, 12% um iPod touch, 7% um eReader e 4% um iPad. E uma informação importante para editoras e autores: os pais preferem quando há informações da idade ou escolaridade indicada no livro.

Dos 75% pais que afirmaram nunca ter comprado um livro digital, 56% informam que pretendem comprar em breve. Crianças são mais propensas a ler eBooks quando seus pais leem. No geral, pais preferem que seus filhos leiam livros impressos por causa do look and feel, do toque, da sensação. Entretanto, crianças de 7 a 12 anos não parecem se importar com isso, dizendo apenas que eBooks são divertidos e coloridos, custam menos e os seduzem a ler mais.

Já com os adolescentes, o caso é outro. O principal motivo de os jovens ainda não terem aderido ao eBook é a falta de características sociais. Por ser um produto digital, jovens esperam que haja ferramentas de compartilhamento, para conversarem com seus colegas a respeito.

São 66% de adolescentes que preferem os livros impressos, com 26% respondendo que são indiferentes e 8% preferindo eBooks. E mais: 14% dos entrevistados afirma que os eBooks possuem muitas restrições de uso, e isso os incomoda. Outra coisa que os aborrece é o tamanho das telas disponíveis para isso, com os produtos da Apple figurando como “preferidos”, principalmente o iPod touch.

Com informações do paidContent.

Para publicar seu livro em ebook ou impresso, nas principais livrarias online, conheça o serviço de publicação da Simplíssimo. Nossos números são difíceis de bater: desde 2010, a Simplíssimo comercializou mais de 1 milhão de exemplares e publicou mais de 1.000 ebooks e livros impressos. Veja como funciona a publicação para seu livro, aqui.

 

SimplíssimoAdolescentes Ficam Para Trás na Adoção Dos eBooks

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *