Amazon e IPG se Acertam e 5 Mil eBooks Voltam ao Site

29/05/2012
 / 
por da Redação
 / 

Sem dar muitos detalhes de como se deu o acordo, o IPG (Independent Publishers Group) anunciou que seu catálogo de mais de 5 mil eBooks já está novamente disponível na Amazon. Fontes informam que ambas as partes cederam um pouco para chegar a um consenso.

No final de fevereiro o IPG – que é distribuidor de 779 editoras norte-americanas – e a Amazon romperam contrato devido a um desacordo na política de preços praticado pelo site. Como sempre, a Amazon queria um preço nos eBooks dos associados do IPG que poucos concordam no mercado de livros.

Após o fim do acordo, muitos dos associados do IPG viram suas vendas despencarem, e foi levantada a questão séria sobre a influência da Amazon no mercado, que poderia realmente levar editoras à falência.

Com o novo acordo, todos os títulos voltam a ser vendidos no site, fazendo muitos respirarem aliviados. Para se desculpar com a situação, o IPG informou em um email a todos os seus usuários que durante três meses, todo o ganho com as vendas será repassado ao vendedor, sem qualquer porcentagem de distribuição para a associação.

Com informações do Good E-Reader e The Digital Reader.

Para publicar seu ebook ou livro impresso, nas principais livrarias online, conheça o serviço de publicação da Simplíssimo. Desde 2010 a Simplíssimo já comercializou mais de 1 milhão de exemplares, para mais de 1.500 autores e editoras. Veja como funciona.

 

29/05/2012
 / 
por da Redação
 / 

Sem dar muitos detalhes de como se deu o acordo, o IPG (Independent Publishers Group) anunciou que seu catálogo de mais de 5 mil eBooks já está novamente disponível na Amazon. Fontes informam que ambas as partes cederam um pouco para chegar a um consenso.

No final de fevereiro o IPG – que é distribuidor de 779 editoras norte-americanas – e a Amazon romperam contrato devido a um desacordo na política de preços praticado pelo site. Como sempre, a Amazon queria um preço nos eBooks dos associados do IPG que poucos concordam no mercado de livros.

Após o fim do acordo, muitos dos associados do IPG viram suas vendas despencarem, e foi levantada a questão séria sobre a influência da Amazon no mercado, que poderia realmente levar editoras à falência.

Com o novo acordo, todos os títulos voltam a ser vendidos no site, fazendo muitos respirarem aliviados. Para se desculpar com a situação, o IPG informou em um email a todos os seus usuários que durante três meses, todo o ganho com as vendas será repassado ao vendedor, sem qualquer porcentagem de distribuição para a associação.

Com informações do Good E-Reader e The Digital Reader.

Para publicar seu ebook ou livro impresso, nas principais livrarias online, conheça o serviço de publicação da Simplíssimo. Desde 2010 a Simplíssimo já comercializou mais de 1 milhão de exemplares, para mais de 1.500 autores e editoras. Veja como funciona.

 

Esta página ainda não tem comentários. Quer comentar primeiro?

Deixe um comentário