Gráficos

Americanos Com Tablets São Mais Propensos a Pagar Por Conteúdo

da Redação Ebooks, Notícias Deixe um comentário

Esse foi o resultado de uma pesquisa feita pela Nielsen. No estudo, foram avaliados os Estados Unidos, Itália, Reino Unido e Alemanha, e os americanos ficaram entre os que são mais dispostos a pagar por todo tipo de conteúdo, exceto notícias.

Outras descobertas:

  • A maioria dos donos de tablet americanos pagaram por música baixada (62%) e livros (58%) para utilização em seus dispositivos. Cerca de metade paga para ter filmes (51%);
  • A notícia é a categoria de conteúdo superior entre os proprietários de tablets europeus pesquisados​​: 44% dos proprietários de tablets na Itália, 19% dos proprietários de tablets no Reino Unido, e 15% dos proprietários de tablets na Alemanha dizem ter pago por conteúdo de notícias em seus tablets;
  • Entre os países europeus, os italianos são os mais dispostos a pagar por conteúdo de mídia em seu tablet.

Confira também o gráfico:

Nielsen_Tablet-Owners-Paid-Content

São resultados interessantes, ainda mais se fizermos uma pequena ponte entre os italianos e nós – dizem por aí que a Itália é o Brasil da Europa. Por aqui, a venda de conteúdo ainda engatinha, e somos conhecidos pela pirataria e pelo “jeitinho brasileiro”. Mas será que, se fossem oferecidos serviços bons e baratos, o brasileiro também não estaria disposto a pagar para consumir?

O Netflix, serviço de aluguel de filmes, chegou por aqui a R$15 por mês, sem limites para o consumidor. Um serviço parecido, o de aluguel de DVDs da Blockbuster, tem seu plano mínimo, com dois DVD por mês, custando R$12,90. É um serviço que chegou agora, mas podemos acompanhar para ver o que vai acontecer.

Livros ainda são caros para aqueles que ganham um salário de R$600, mas serviços de assinaturas que dão acesso a muitos eBooks pode ser o início de um mercado grande por aqui, e da erradicação quase completa da pirataria. Quem está disposto a experimentar?

Para publicar seu livro em ebook ou impresso, nas principais livrarias online, conheça o serviço de publicação da Simplíssimo. Nossos números são difíceis de bater: desde 2010, a Simplíssimo comercializou mais de 1 milhão de exemplares e publicou mais de 1.000 ebooks e livros impressos. Veja como funciona a publicação para seu livro, aqui.

 

SimplíssimoAmericanos Com Tablets São Mais Propensos a Pagar Por Conteúdo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *