Ebook sem formatação? O problema pode estar no aplicativo

Eduardo Melo Ebooks, Notícias 2 Comments

Como explicar para alguém que o que não está funcionando é o software, o programa que lê o eBook, e que seu eBook está bem formatado e com tudo em ordem? Várias vezes precisei explicar que o formato ePub requer um programa que específico, que acesse o arquivo, entenda o que ele está dizendo e apresente corretamente na tela do aparelho.

Aqui vai um exemplo concreto.

O software Aldiko, usado nos sistemas Android, tablets e smarthphones, tem a capacidade de ler o arquivo ePub e apresentar ele na tela do aparelho. Ele abre o eBook, mas o problema é que ele lê o texto e apresenta o arquivo do jeito que quer. Se um designer pensou que centralizar o título o livro ficaria legal, o Aldiko ignora isso e alinha o título à esquerda, ignorando tamanho e cor! Isso provoca um efeito muito desagradável para quem formatou o eBook.

Para “obrigar” o Aldiko a respeitar a formatação do arquivo, basta mudar um só item da configuração dele (consulte o passo-a-passo com imagens, no final do texto):

  • Abra o Aldiko e o livro que deseja lêr.
  • Toque no rodapé da página ou no botão “Menu”, escolha a opção “Ajustes” e depois toque em “Mais…”
  • Desmarque a opção “Formatação Avançada”.

Isto fará com que o Aldiko respeite a formatação original do livro.

Por incrivel que pareça o Aldiko considera a formatação que ele coloca automaticamente como uma “formatação avançada”, como se aquela que viesse com o ePub não fosse! O ideal seria que a opção padrão fosse a de respeitar a formatação do livro, e caso o leitor quisesse mudar isso, fosse nessa opção e ativasse a formatação do Aldiko.

Por ocasião do ToC em Frankfurt participei de um encontro sobre tipografia no ePub e foi discutido o porque dos softwares não suportarem corretamente as informações de design (o CSS) presente nos arquivos ePub. Uma das respostas foi que a maioria dos arquivos ePub produzidos são de péssima qualidade, sem estilos e sem uma atenção ao design. Isto obrigaria os produtores de software a suprirem, eles mesmos, esta carência de estética. Não sei se de fato é este o motivo principal para esta escolha, por parte dos programadores, mas sei que de fato quanto mais atenção dermos ao produto que estamos fazendo, e à qualidade dos arquivos ePub, melhor será para este novo mercado nascente.

Passo-a-passo: recuperando a formatação original no Aldiko

Com o seu livro aberto no Aldiko, toque na tela, ou no botão Menu do aparelho Android

 

Escolha a opção “Ajustes”, depois toque em “Mais…”

 

A opção “Formatação Avançada” deve ficar como mostramos aqui, desmarcada.

 

A formatação original irá aparecer

 

Para publicar seu ebook ou livro impresso, nas principais livrarias online, conheça o serviço de publicação da Simplíssimo. Desde 2010 a Simplíssimo já comercializou mais de 1 milhão de exemplares, para mais de 1.500 autores e editoras. Veja como funciona.

 

Sobre o autor

Eduardo Melo

Eduardo Melo é fundador da Simplíssimo e seu diretor-executivo desde 2010. É licenciado em História e Mestre em Teoria da Literatura.

SimplíssimoEbook sem formatação? O problema pode estar no aplicativo

Comments 2

  1. Pingback: Ebook sem formatação no Aldiko? Saiba como resolver | Biblioteca do Exilado

  2. Se é ou não a péssima formatação dos epubs a razão de os fabricantes de aplicativos escolherem passar por cima delas, só perguntando aos desenvolvedores.

    Agora, o ebook mostrado nessas imagens certamente é um em que vale a pena a escolha do Aldiko: 1) não aproveitamento das margens, o que obriga a troca de páginas neuroticamente; 2) fontes belas, talvez legíveis no papel, mas péssimas para leitura eletrônica; 3) alinhamento à esquerda (recentemente descobri que há pessoas que gostam; para mim é impraticável).

    Produção de ebook não é trabalho de cientista da computação nem de designer de produtos, nem mesmo é de editor de livros físicos. Editar ebooks é trabalho de editor de ebook, que envolve todos os conhecimentos anteriores.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Currently you have JavaScript disabled. In order to post comments, please make sure JavaScript and Cookies are enabled, and reload the page. Click here for instructions on how to enable JavaScript in your browser.