O Livro Que lê o Leitor

26/03/2012
 / 
por da Redação
 / 

A Coliloquy é uma editora que traz uma ideia diferente. Suas obras permitem que o leitor escolha os caminhos que a história toma. Com qual personagem o protagonista vai sair para um encontro, qual evento visitará, qual rumo a narrativa deve seguir…

Ok, isso não é muito novo. Há 30 anos já tínhamos títulos impressos assim.

A novidade aqui é o que a editora ganha com isso. A Coliloquy é a primeira que irá aproveitar esses dados em seus negócios, a partir da Amazon. Seus livros enviam dados anônimos sobre a sua decisão, bem como sobre quantas vezes você leu um capítulo em especial, e os personagens que você tenha seguido a mais.

Com os dados, a editora paga os autores para que escrevam obras a partir dos assuntos preferidos dos leitores, ou que escrevam vários finais diferentes, para conseguir mais dados de opção.

O último livro lançado por eles, Fluid, dá 500 probabilidades diferentes de histórias, mas com um diferencial. O leitor só poderá escolher uma vez o caminho a ser seguido, não adianta voltar atrás. Apenas ao terminar de ler a história, você poderá recomeçar e escolher caminhos diferentes.

Tudo isso dá ao leitor um novo nível de interatividade, e de quebra mostra à editora do que os leitores gostam mais. Isso não os impede de tentar coisas diferentes das preferidas, mas faz os acertos serem maiores.

Com informações do TeleRead.

Para publicar seu ebook ou livro impresso, nas principais livrarias online, conheça o serviço de publicação da Simplíssimo. Desde 2010 a Simplíssimo já comercializou mais de 1 milhão de exemplares, para mais de 1.500 autores e editoras. Veja como funciona.

 

26/03/2012
 / 
por da Redação
 / 

A Coliloquy é uma editora que traz uma ideia diferente. Suas obras permitem que o leitor escolha os caminhos que a história toma. Com qual personagem o protagonista vai sair para um encontro, qual evento visitará, qual rumo a narrativa deve seguir…

Ok, isso não é muito novo. Há 30 anos já tínhamos títulos impressos assim.

A novidade aqui é o que a editora ganha com isso. A Coliloquy é a primeira que irá aproveitar esses dados em seus negócios, a partir da Amazon. Seus livros enviam dados anônimos sobre a sua decisão, bem como sobre quantas vezes você leu um capítulo em especial, e os personagens que você tenha seguido a mais.

Com os dados, a editora paga os autores para que escrevam obras a partir dos assuntos preferidos dos leitores, ou que escrevam vários finais diferentes, para conseguir mais dados de opção.

O último livro lançado por eles, Fluid, dá 500 probabilidades diferentes de histórias, mas com um diferencial. O leitor só poderá escolher uma vez o caminho a ser seguido, não adianta voltar atrás. Apenas ao terminar de ler a história, você poderá recomeçar e escolher caminhos diferentes.

Tudo isso dá ao leitor um novo nível de interatividade, e de quebra mostra à editora do que os leitores gostam mais. Isso não os impede de tentar coisas diferentes das preferidas, mas faz os acertos serem maiores.

Com informações do TeleRead.

Para publicar seu ebook ou livro impresso, nas principais livrarias online, conheça o serviço de publicação da Simplíssimo. Desde 2010 a Simplíssimo já comercializou mais de 1 milhão de exemplares, para mais de 1.500 autores e editoras. Veja como funciona.

 

Deixe um comentário