SÍNDROME DO RETORNO AO NINHO NO PROCESSO ABSTÊMIO

08/07/2022
 / 

SÍNDROME DO RETORNO AO NINHO NO PROCESSO ABSTÊMIO

 

Essa síndrome representa o inverso da síndrome do “ninho vazio” e ocorre quando o abstêmio retorna ao convívio dos pais ou familiares após longo período de afastamento.

 

Exemplos de manifestação dessa síndrome: o filho que volta a morar com os pais depois do divórcio e de vários internamentos, a filha que volta a morar com familiares depois de ter passado longo período internada em clínicas ou comunidades terapêuticas ou o marido que volta para casa depois que a adicção o fez morar “na rua” por muitos anos. Nesses casos, e em muitos casos semelhantes, provavelmente será estabelecida a SÍNDROME DO RETORNO AO NINHO.

 

Essa síndrome consiste no restabelecimento de cordões umbilicais emocionais que já haviam sido cortados ou na necessidade de readequação de papeis familiares.

 

Pode-se afirmar que enquanto na síndrome do “ninho vazio” a “casa fica mais calma”, na síndrome do retorno ao ninho a “casa fica alvoroçada”.

 

Esse retorno é um processo muito complicado para todos os envolvidos: seja para quem volta, seja para quem abriga. Não é fácil retornar para a casa depois de ter passado um período longo mergulhado na adicção e também não será nada simples receber alguém que já tinha saído de casa.

 

A superação dessa síndrome exige muita paciência de todos os envolvidos e muita terapia familiar.

 

Bons estudos!

(Escritor: Péricles Ziemmermann)

______________________

REFERÊNCIAS

 

[1]  Assunto também comentado por FABÍOLA PECE, porém sem essa nomenclatura. PECE, Fabíola. O adicto e a família. Disponível em: <http://portaldadependenciaquimica.blogspot.com.br/2013/02/o-adicto-e-familia.html>. Acesso em 08 julho 2022.

Sugerimos, humildemente, que seja feita a leitura do texto: RECAÍDA POR OSMOSE

https://abstemiologia.com/postagens-abstemiol%C3%B3gicas/f/reca%C3%ADda-por-osmose?blogcategory=PROCESSO+DE+RECA%C3%8DDA

 

ZIEMMERMANN, Péricles. PRINCÍPIOS ABSTEMIOLÓGICOS. Porto Alegre/RS: Editora Simplíssimo, 2018. ISBN 978-85-824565-3-8

 

ZIEMMERMANN, Péricles. TEORIAS ABSTEMIOLÓGICAS. Porto Alegre/RS: Editora Simplíssimo, 2019. ISBN 978-85-824566-2-0

 

ZIEMMERMANN, Péricles. ITINERÁRIOS ABSTEMIOLÓGICOS. Porto Alegre/RS: Editora Simplíssimo, 2020. ISBN 978-85-924432-3-8

 

ZIEMMERMANN, Péricles. ABSTEMIOPATIAS. Porto Alegre/RS: Editora Simplíssimo, 2021. ISBN 978-85-824583-6-5

 

Para saber mais: CURSOS E CERTIFICADOS

https://abstemiologia.com/cursos-e-certificados

Compartilhe:

Livros mais recentes de Péricles Ziemmermann

ImageImageImage
08/07/2022
 / 
por Péricles Ziemmermann
 / 

SÍNDROME DO RETORNO AO NINHO NO PROCESSO ABSTÊMIO

 

Essa síndrome representa o inverso da síndrome do “ninho vazio” e ocorre quando o abstêmio retorna ao convívio dos pais ou familiares após longo período de afastamento.

 

Exemplos de manifestação dessa síndrome: o filho que volta a morar com os pais depois do divórcio e de vários internamentos, a filha que volta a morar com familiares depois de ter passado longo período internada em clínicas ou comunidades terapêuticas ou o marido que volta para casa depois que a adicção o fez morar “na rua” por muitos anos. Nesses casos, e em muitos casos semelhantes, provavelmente será estabelecida a SÍNDROME DO RETORNO AO NINHO.

 

Essa síndrome consiste no restabelecimento de cordões umbilicais emocionais que já haviam sido cortados ou na necessidade de readequação de papeis familiares.

 

Pode-se afirmar que enquanto na síndrome do “ninho vazio” a “casa fica mais calma”, na síndrome do retorno ao ninho a “casa fica alvoroçada”.

 

Esse retorno é um processo muito complicado para todos os envolvidos: seja para quem volta, seja para quem abriga. Não é fácil retornar para a casa depois de ter passado um período longo mergulhado na adicção e também não será nada simples receber alguém que já tinha saído de casa.

 

A superação dessa síndrome exige muita paciência de todos os envolvidos e muita terapia familiar.

 

Bons estudos!

(Escritor: Péricles Ziemmermann)

______________________

REFERÊNCIAS

 

[1]  Assunto também comentado por FABÍOLA PECE, porém sem essa nomenclatura. PECE, Fabíola. O adicto e a família. Disponível em: <http://portaldadependenciaquimica.blogspot.com.br/2013/02/o-adicto-e-familia.html>. Acesso em 08 julho 2022.

Sugerimos, humildemente, que seja feita a leitura do texto: RECAÍDA POR OSMOSE

https://abstemiologia.com/postagens-abstemiol%C3%B3gicas/f/reca%C3%ADda-por-osmose?blogcategory=PROCESSO+DE+RECA%C3%8DDA

 

ZIEMMERMANN, Péricles. PRINCÍPIOS ABSTEMIOLÓGICOS. Porto Alegre/RS: Editora Simplíssimo, 2018. ISBN 978-85-824565-3-8

 

ZIEMMERMANN, Péricles. TEORIAS ABSTEMIOLÓGICAS. Porto Alegre/RS: Editora Simplíssimo, 2019. ISBN 978-85-824566-2-0

 

ZIEMMERMANN, Péricles. ITINERÁRIOS ABSTEMIOLÓGICOS. Porto Alegre/RS: Editora Simplíssimo, 2020. ISBN 978-85-924432-3-8

 

ZIEMMERMANN, Péricles. ABSTEMIOPATIAS. Porto Alegre/RS: Editora Simplíssimo, 2021. ISBN 978-85-824583-6-5

 

Para saber mais: CURSOS E CERTIFICADOS

https://abstemiologia.com/cursos-e-certificados

Compartilhe:
Esta página ainda não tem comentários. Quer comentar primeiro?

Deixe um comentário