PRIMEIRA MÃO: Loja de eBooks da Apple está aberta no Brasil!

Eduardo Melo Ebooks, Notícias 6 Comments

Aparentemente, a Apple ganhou a corrida contra a Amazon e chegou primeiro ao Brasil.

A iBookstore brasileira e da América Latina abriu suas portas neste domingo. A loja também está disponível na Argentina, Bolívia, Chile, Colômbia, Equador, Paraguai, Peru e Venezuela, e também para países da América Central, incluindo o Mexico. O Uruguai não está listado. Os preços estão em dólar, como previmos algumas semanas atrás aqui no Revolução.

Além dos eBooks da Simplíssimo, também os ebooks da DLD estão disponíveis.

Certamente a abertura da loja de eBooks está relacionada com o anúncio de amanhã (23/10) da Apple, com o aguardado lançamento do iPad Mini.

Aqui vão duas telas, uma do iPad e outra do iTunes, mostrando a disponibilidade dos títulos brasileiros.

  

Antes dessa mudança, o usuário brasileiro só podia baixar ebooks gratuitos ou de domínio público. A loja pode não ter preços em reais, mas o simples fato de permitir a compra, para quem tem conta brasileira na Apple/iTunes, é uma tremenda novidade – tanto para leitores, quanto para as editoras. É um grande avanço, e não só para os consumidores – a presença de um competidor à altura da Amazon também é um alento para as editoras.

Para publicar seu ebook ou livro impresso, nas principais livrarias online, conheça o serviço de publicação da Simplíssimo. Desde 2010 a Simplíssimo já comercializou mais de 1 milhão de exemplares, para mais de 1.500 autores e editoras. Veja como funciona.

 

Sobre o autor

Eduardo Melo

Eduardo Melo é fundador da Simplíssimo e seu diretor-executivo desde 2010. É licenciado em História e Mestre em Teoria da Literatura.

SimplíssimoPRIMEIRA MÃO: Loja de eBooks da Apple está aberta no Brasil!

Comments 6

  1. Eduardo, a Amazon já vende em dólar no Brasil desde 2009… Na verdade, a Apple apenas disponibilizou conteúdo em português para brasileiros comprarem em dólar de sua loja americana… Ainda estamos longe de uma loja brasileira mesmo…

    1. Oi Carrenho. Antes dessa mudança, o usuário brasileiro só podia baixar ebooks gratuitos ou de domínio público. A loja pode não ter preços em reais, mas o simples fato de permitir a compra, para quem tem conta brasileira na Apple/iTunes, é uma tremenda novidade – tanto para leitores, quanto para as editoras. É um grande avanço.

    2. É um avanço, claro! Só não acho que eles chegaram na frente da Amazon com isso… Uma questão é que a grande maioria dos brasileiros não possui cartão de crédito internacional…

  2. Pingback: PRIMEIRA MÃO: Loja de eBooks da Apple está aberta no Brasil! | Livros só mudam pessoas

  3. Pingback: Apple's iBookstore Opens in Latin America, New Zealand | Publishing Perspectives

  4. Pingback: Links e Notícias da Semana #112

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Currently you have JavaScript disabled. In order to post comments, please make sure JavaScript and Cookies are enabled, and reload the page. Click here for instructions on how to enable JavaScript in your browser.