Quando as mídias sociais e as polêmicas mais atrapalham do que ajudam

Juliana Ferreira Autores, Ebooks, Notícias Deixe um comentário

Haveria um “ponto de desequilíbrio” para os escritores nas redes sociais? Segundo Bob Mayer, escritor e CEO da Who Dares Wins Publishing, sim.

Ele acredita que, em algum momento, a participação dos autores nesses sites pode mais repelir do que atrair, diminuindo o interesse pelas suas obras. E isso acontece especialmente quando eles decidem tomar partido em alguma das “guerrinhas” do mundo editorial – pode ser a dos escritores independentes contra a indústria tradicional contra as pequenas editoras, ou mesmo a dos livros impressos contra os digitais, ou a das livrarias de bairro contra as megastores, e assim por diante. “Se alguém está contra alguma coisa, está excluindo uma parte da população”, destaca Mayer.

Segundo ele, ao defender fervorosamente seu ponto de vista nas polêmicas do mercado editorial, esses escritores passam a conversar apenas entre si, e não mais com quem realmente interessa para o seu sucesso enquanto autores – os leitores.

Sim, eu sei que há leitores lá fora, mas quando vemos de perto quem está falando conosco na maioria das redes sociais, são outros autores. Observo muitos autores realmente bem-sucedidos e o foco deles está, em primeiro lugar, no conteúdo e em mostrar esse conteúdo aos leitores. Eles não estão tão preocupados com as guerras editorias, exceto com aquilo que afeta o modo como eles conduzem seus próprios negócios. E as palavras-chaves nessa frase são: como eles conduzem seus PRÓPRIOS negócios.

Ex-militar, Bob Mayer afirma que os que mais se beneficiam com as polêmicas são os que mais ganham dinheiro em qualquer guerra: aqueles que trabalham nos bastidores e fornecem os suprimentos necessários para ambos os lados. E qual é o suprimento mais valioso no mercado editorial? Sim, conteúdo. “Você pode ter a melhor plataforma, marca, distribuição, yada-yada, mas ainda assim precisa de conteúdo”, sintetiza.

Portanto, se você quer fazer bom uso das redes sociais, não perca seu tempo e sua energia discutindo sobre o mercado. Foque no seu conteúdo e em entregá-lo aos seus leitores, despertando interesse no seu trabalho.

Fonte: The Great Publishing Wars of 2012 « Digital Book World.

Para publicar seu ebook ou livro impresso, nas principais livrarias online, conheça o serviço de publicação da Simplíssimo. Desde 2010 a Simplíssimo já comercializou mais de 1 milhão de exemplares, para mais de 1.500 autores e editoras. Veja como funciona.

 

Sobre o autor

Juliana Ferreira

SimplíssimoQuando as mídias sociais e as polêmicas mais atrapalham do que ajudam

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *