Quem compra eBooks está comprando mais impressos

Eduardo Melo Ebooks, Notícias 1 Comment

Um relatório recente da BISG  (Book Industry Study Group) constatou que um número menor de pessoas informa comprar apenas ebooks, na comparação com a mesma pesquisa feita um ano atrás.

Segundo a Publisher Weekly, isso é outro sinal de que a indústria está se movendo em direção a um mercado híbrido. O percentual de consumidores que exclusiva ou principalmente compram e-books, caiu de quase 70% em agosto de 2011 para 60% em maio de 2012. No mesmo período, os pesquisados que não têm preferência por qualquer eBook ou formatos de impressão, ou que compram alguns títulos em eBook e outros em formato impresso, aumentou de 25% para 34%.

Por outro lado, a pesquisa mostra um número curioso, de que o Kindle Fire teria ultrapassado o iPad na pesquisa. Considerando que o market share do iPad continua estável de acordo com pesquisas recentes no mercado de tablets, este número vai na direção oposta de outras pesquisas. Ainda em matéria de dispositivos, a pesquisa também constata que os “multifuncionais” (tablets) aumentam sua fatia no mercado de leitura digital. Enquanto o Kindle ereader ainda foi o mais citado como aparelho primário de leitura, o percentual caiu de 48% em agosto para 35% em maio.

Fonte: BISG Report Finds More E-book Buyers Buying Print Books.

Para publicar seu ebook ou livro impresso, nas principais livrarias online, conheça o serviço de publicação da Simplíssimo. Desde 2010 a Simplíssimo já comercializou mais de 1 milhão de exemplares, para mais de 1.500 autores e editoras. Veja como funciona.

 

Sobre o autor

Eduardo Melo

Eduardo Melo é fundador da Simplíssimo e seu diretor-executivo desde 2010. É licenciado em História e Mestre em Teoria da Literatura.

SimplíssimoQuem compra eBooks está comprando mais impressos

Comments 1

  1. Eu achei meio estranho esta matéria, conheço várias pessoas que compravam uns 5 livros por mês e agora só compram e-book. Eu faz dois anos que não compro um livro físico, depois do Cool-er e Kindle só ebook mesmo. Pelo que leio em blogs e matérias americanas, cada vez mais o e-book esta se popularizando, mais é lógico que ainda irá existir o livro físico.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *