Designer de eBooks: uma nova profissão?

Eduardo Artigos, epub, Notícias 2 Comments

Tenho acompanhado o Fernando Tavares (um dos sócios-fundadores da Simplíssimo) em diversas turmas do workshop Como produzir eBooks no formato ePub. Assim, tenho observado as dúvidas das mais de 60 pessoas que já passaram por lá.

A grande maioria trabalha no mercado editorial, seja com design, produção, coordenação, etc. As questões são muitas, mas uma das que mais chamou a minha atenção foi a questão sobre a profissão do designer de eBooks.
Afinal, essa ocupação é um designer gráfico que adquire conhecimentos de CSS e HTML ou um programador que se volta para o mercado editorial?
Dou minha opinião [leia mais]

SimplíssimoDesigner de eBooks: uma nova profissão?

Autores vendem e-books e recebem 70% das vendas – artigo

Colaboração do leitor Artigos 10 Comments

A Simplíssimo oferece a todos os autores a oportunidade de publicar, promover e vender suas obras com total liberdade, oferecendo uma remuneração justa. Sem pedir nenhum tipo de exclusividade, com todos livres para entrar ou sair.

Qualquer autor pode publicar e vender seus livros digitais na Simplíssimo Store, recebendo 70% das vendas, descontados impostos e taxas. Quem sugere o preço do e-book é o próprio autor, dentro de um intervalo entre R$ 1,99 e R$ 18,99. O valor final de venda poderá variar, conforme as promoções e descontos oferecidos na Simplíssimo Store, mas o autor sempre receberá 70% da venda líquida [leia mais]

SimplíssimoAutores vendem e-books e recebem 70% das vendas – artigo

Autores vendem e-books e recebem 70% das vendas

Eduardo Artigos 10 Comments

A Simplíssimo oferece a todos os autores a oportunidade de publicar, promover e vender suas obras com total liberdade, oferecendo uma remuneração justa. Sem pedir nenhum tipo de exclusividade, com todos livres para entrar ou sair.

Qualquer autor pode publicar e vender seus livros digitais na Simplíssimo Store, recebendo 70% das vendas, descontados impostos e taxas. Quem sugere o preço do e-book é o próprio autor, dentro de um intervalo entre R$ 1,99 e R$ 18,99. O valor final de venda poderá variar, conforme as promoções e descontos oferecidos na Simplíssimo Store, mas o autor sempre receberá 70% da venda líquida [leia mais]

SimplíssimoAutores vendem e-books e recebem 70% das vendas

Guerra de preços entre Kindle e Nook favorece (e muito!) os consumidores – artigo

Colaboração do leitor Notícias Deixe um comentário

Excelentes notícias no front dos e-readers: a guerra de preços traz boas novidades aos consumidores!

Nesta segunda-feira, a Barnes & Noble anunciou uma nova versão do seu e-reader Nook com Wi-Fi por US$ 149,00 – o que torna esse o e-reader wireless mais barato do mercado. Aparentemente, esse Wi-Fi funcionará apenas em hot-spots da AT&T nos Estados Unidos, ainda não há informações se o Nook Wi-Fi funcionaria no Brasil.

Ato contínuo, foi a vez da Amazon baixar o preço do Kindle de US$ 269,00 para US$ 189,00 – um movimento que inclusive derrubou as ações da empresa na [leia mais]

SimplíssimoGuerra de preços entre Kindle e Nook favorece (e muito!) os consumidores – artigo

Guerra de preços entre Kindle e Nook favorece (e muito!) os consumidores

Eduardo Notícias Deixe um comentário

Excelentes notícias no front dos e-readers: a guerra de preços traz boas novidades aos consumidores!

Nesta segunda-feira, a Barnes & Noble anunciou uma nova versão do seu e-reader Nook com Wi-Fi por US$ 149,00 – o que torna esse o e-reader wireless mais barato do mercado. Aparentemente, esse Wi-Fi funcionará apenas em hot-spots da AT&T nos Estados Unidos, ainda não há informações se o Nook Wi-Fi funcionaria no Brasil.

Ato contínuo, foi a vez da Amazon baixar o preço do Kindle de US$ 269,00 para US$ 189,00 – um movimento que inclusive derrubou as ações da empresa na [leia mais]

SimplíssimoGuerra de preços entre Kindle e Nook favorece (e muito!) os consumidores

Vendas de e-books aumentam 127% em abril

Eduardo Notícias Deixe um comentário

Comparado ao mesmo período do ano passado, as vendas de e-books no mês de abril avançaram 127%, de acordo com dados da American Association of Publisher. Os dados são relativos às vendas nos Estados Unidos. O mercado americano ainda registra uma participação dos e-books de apenas 3% do mercado de livros – para 2012, a previsão é que essa fatia seja de 25%. Mais detalhes aqui (via Mediabistro).

SimplíssimoVendas de e-books aumentam 127% em abril

Vendas de e-books aumentam 127% em abril – artigo

Colaboração do leitor Notícias Deixe um comentário

Comparado ao mesmo período do ano passado, as vendas de e-books no mês de abril avançaram 127%, de acordo com dados da American Association of Publisher. Os dados são relativos às vendas nos Estados Unidos. O mercado americano ainda registra uma participação dos e-books de apenas 3% do mercado de livros – para 2012, a previsão é que essa fatia seja de 25%. Mais detalhes aqui (via Mediabistro).

SimplíssimoVendas de e-books aumentam 127% em abril – artigo

Estratégia dos gigantes está a anos-luz da idéia de vender livros

Eduardo Artigos 1 Comment

Vale a pena ver a transcrição completa dos comentários de Benedicte Page, no The Bookseller, que está cobrindo a The Book Industry Conference 2010. Uma tradução rápida revela como os livros, ou melhor, os e-books, se inserem dentro da estratégia de cada empresa:

Apple, Google e Amazon não são livreiros e suas ações sobre os livros e os editores deve ser entendida nos termos dos seus objetivos estratégicos, anos-luz além dos objetivos dos livreiros tradicionais.

Benedict Evans da empresa de mídia e tecnologia Enders Analysis apontou a diferença de escala dessas empresas para a indústria do livro, assinalando que [leia mais]

SimplíssimoEstratégia dos gigantes está a anos-luz da idéia de vender livros

Estratégia dos gigantes está a anos-luz da idéia de vender livros – artigo

Colaboração do leitor Artigos 1 Comment

Vale a pena ver a transcrição completa dos comentários de Benedicte Page, no The Bookseller, que está cobrindo a The Book Industry Conference 2010. Uma tradução rápida revela como os livros, ou melhor, os e-books, se inserem dentro da estratégia de cada empresa:

Apple, Google e Amazon não são livreiros e suas ações sobre os livros e os editores deve ser entendida nos termos dos seus objetivos estratégicos, anos-luz além dos objetivos dos livreiros tradicionais.

Benedict Evans da empresa de mídia e tecnologia Enders Analysis apontou a diferença de escala dessas empresas para a indústria do livro, assinalando que [leia mais]

SimplíssimoEstratégia dos gigantes está a anos-luz da idéia de vender livros – artigo

O Gargalo da Produção de E-books no Brasil

Eduardo Artigos 2 Comments

Sábado, o caderno Ilustrada publicou uma ótima matéria, Formato e direitos travam e-book no Brasil. O repórter Fábio Victor identificou objetivamente os dois principais problemas dos editores e livreiros interessados em e-books: as deficiências na produção dos e-books no padrão internacional ePub e o baixo volume de contratos cedendo direitos para publicação eletrônica.

Vou me concentrar aqui na questão do formato, já que esse é o gargalo cuja solução depende, quase que exclusivamente, dos editores. A reportagem começa indo direto ao ponto:

Se livrarias virtuais brasileiras já têm milhares de livros eletrônicos à venda, por que tão poucos títulos [leia mais]

SimplíssimoO Gargalo da Produção de E-books no Brasil

O Gargalo da Produção de E-books no Brasil – artigo

Colaboração do leitor Artigos 2 Comments

Sábado, o caderno Ilustrada publicou uma ótima matéria, Formato e direitos travam e-book no Brasil. O repórter Fábio Victor identificou objetivamente os dois principais problemas dos editores e livreiros interessados em e-books: as deficiências na produção dos e-books no padrão internacional ePub e o baixo volume de contratos cedendo direitos para publicação eletrônica.

Vou me concentrar aqui na questão do formato, já que esse é o gargalo cuja solução depende, quase que exclusivamente, dos editores. A reportagem começa indo direto ao ponto:

Se livrarias virtuais brasileiras já têm milhares de livros eletrônicos à venda, por que tão poucos títulos [leia mais]

SimplíssimoO Gargalo da Produção de E-books no Brasil – artigo

Cartinha Antecipada ao Papai Noel, com Nossos Desejos Para os E-books

Eduardo Artigos 5 Comments

Estou escrevendo esta cartinha bem antes do tempo, porque o que eu lhe peço, os meus desejos sobre como gostaria que fosse o mercado do e-book no Brasil, não são fáceis de realizar, e assim achei bom dar tempo para que o senhor possa trabalhar neles. Para tornar a tarefa um pouco mais fácil não quero nada para este Natal de 2010, pra mim é suficiente que algo aconteça no ano seguinte, no Natal de 2011.

SimplíssimoCartinha Antecipada ao Papai Noel, com Nossos Desejos Para os E-books

Cartinha Antecipada ao Papai Noel, com Nossos Desejos Para os E-books – artigo

Colaboração do leitor Artigos 5 Comments

Estou escrevendo esta cartinha bem antes do tempo, porque o que eu lhe peço, os meus desejos sobre como gostaria que fosse o mercado do e-book no Brasil, não são fáceis de realizar, e assim achei bom dar tempo para que o senhor possa trabalhar neles. Para tornar a tarefa um pouco mais fácil não quero nada para este Natal de 2010, pra mim é suficiente que algo aconteça no ano seguinte, no Natal de 2011.

SimplíssimoCartinha Antecipada ao Papai Noel, com Nossos Desejos Para os E-books – artigo

Os Livros Impressos São Eternos

Eduardo Artigos 3 Comments

Traduzimos e adaptamos aqui um artigo do blog de J.A. Konrath, autor independente conhecido por experimentar muito com a venda de e-books. Além de divertido, o texto é provocador e certamente vai provocar reações, contrárias e a favor. O que nos interessa é refletir serenamente sobre o futuro digital, que agora também bate à porta dos livros.

O artigo original pode ser lido aqui.

A impressão é eterna

Moderador – Bem-vindo Anônimos obsoletos! Eu chamei todos vocês aqui para dar o boas vindas ao nosso mais recente membro, a Indústria de impressão.
Indústria de impressão[leia mais]

SimplíssimoOs Livros Impressos São Eternos

Os Livros Impressos São Eternos – artigo

Colaboração do leitor Artigos 3 Comments

Traduzimos e adaptamos aqui um artigo do blog de J.A. Konrath, autor independente conhecido por experimentar muito com a venda de e-books. Além de divertido, o texto é provocador e certamente vai provocar reações, contrárias e a favor. O que nos interessa é refletir serenamente sobre o futuro digital, que agora também bate à porta dos livros.

O artigo original pode ser lido aqui.

A impressão é eterna

Moderador – Bem-vindo Anônimos obsoletos! Eu chamei todos vocês aqui para dar o boas vindas ao nosso mais recente membro, a Indústria de impressão.
Indústria de impressão[leia mais]

SimplíssimoOs Livros Impressos São Eternos – artigo