Conheça os Palestrantes: Fernanda Kalckmann

Fernando Ebooks Deixe um comentário

Fernanda Kalckmann é formada em Jornalismo na Faculdade Cásper Líbero, com pós-graduação Lato Sensu em Design Gráfico no Senac. Desde 2000 trabalha com diagramação e design editorial. www.fkeditorial.com.br.
Atualmente trabalha com a Simplíssimo Livros na produção e cuidando das correções nos eBooks.

Revolução eBook – Nos fale um pouco sobre você, onde trabalhou e onde trabalha atualmente.
Trabalho com diagramação e design editorial desde 2000, ainda na faculdade de Jornalismo.
Passei por uma agência de publicidade diagramando tabloides de supermercado e por uma editora de livros na qual comecei como assistente de arte. Lá fiz um pouco de tudo, muita diagramação e projetos gráficos, algumas capas, contato com os autores e gráficas e entendi um pouco como o mundo editorial funciona.
Como sempre fiz freelas, em Jornalismo e em Design, fundei minha empresa de design editorial, em 2010, e presto serviço para empresas, em especial a Simplíssimo, com quem trabalho há mais de um ano.

Revolução eBook – Como você iniciou a interessar-se sobre eBooks?
Meu interesse sobre ebooks começou com as novas funcionalidades do InDesign. Comecei a pesquisar e descobri que poderia unir minha experiência com livros impressos e com sites em um novo modelo.

Revolução eBook – Nos explique melhor o seu trabalho: o que você faz em específico e quais tecnologias você usa?
Eu faço produção, conversão e finalização de livros digitais. Isso é, faço desde livros feitos especialmente para serem digitais, conversão de livros impressos para digitais e finalização dos livros de acordo com cada editora/autor e para que funcionem no maior número possível de e-readers.
Os softwares que eu uso são: Sigil, Photoshop, Illustrator, InDesign, WordPress e Dreamweaver.

Revolução eBook – Porque um editor deveria publicar no formato digital?
Um editor deveria publicar no formato digital porque as possibilidades ultrapassam o impresso. Além de não ter mais tantas limitações de espaço, de cores, de preço de papel e de distribuição, o conteúdo pode ser expandido com links externos, vídeos, músicas etc.
Quem mais ganha com o formato digital é o leitor, que pode ter mais conteúdo, mais qualidade, com preço mais acessível.

Revolução eBook – Se você tivesse que criar uma equipe de produção de livros digitais, por onde iniciaria?
Se eu tivesse que criar uma equipe de produção de livros digitais, eu começaria com pessoas com experiência em sites. Tenho visto que a maior dificuldade é aprender a linguagem de marcação e não tanto o CSS. Portanto, uma pessoa com mais experiência com linguagem de xhtml, html e html5 entenderia mais facilmente o funcionamento do ebook.

Revolução eBook – Qual a maior barreira que você encontrou ao iniciar a trabalhar com os livros digitais?
A maior barreira vem de editores que não entendem o formato fluído do ePub, que ele se modifica de acordo com os diversos leitores e telas. Eles ainda tem dificuldade de abrir mão do controle total de como o leitor irá receber a informação.

A Fernanda vai estar dando a palestra “Dicas para produção e correções de ePub” juntamente com a Beatriz (Zahar) e o Josué (Intrínseca). Será uma ótima ocasião para aprender dicas práticas sobre a produção dos eBooks no formato ePub.

Para publicar seu livro em ebook ou impresso, nas principais livrarias online, conheça o serviço de publicação da Simplíssimo. Nossos números são difíceis de bater: desde 2010, a Simplíssimo comercializou mais de 1 milhão de exemplares e publicou mais de 1.000 ebooks e livros impressos. Veja como funciona a publicação para seu livro, aqui.

 

SimplíssimoConheça os Palestrantes: Fernanda Kalckmann

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *