Leitura digital mais social

Leitura Digital se Tornou Mais Social em 2011


O colunista do site ReadWriteWeb Richard MacManus escreve todo ano a respeito de como a leitura digital mudou. No artigo desse ano, MacManus afirma que a forma de leitura nas telas e pela internet se tornou muito mais social.

De acordo com ele, funções como os botões “Like” do Facebook e “Tweet” do Twitter permitiram que as pessoas mostrassem muito mais às outras quais leituras lhe agradaram e desagradaram. Além disso, com o boom de popularização das tablets, a leitura se tornou móvel, mais fácil de se discutir em diversas plataformas diferentes.

A maior parte das pessoas que se mantém online durante o dia acabam consumindo notícias através das redes sociais, através do filtro que seus amigos e conhecidos criam. O que eles não compartilham, você não vê. Isso mostra um controle muito maior do usuário sobre quais informações são relevantes para a leitura e quais não são.

MacManus cita o aplicativo Flipboard para o iPad, mas Chris Meadows do TeleRead lembra que os eBooks, embora pouco tenham a ver com toda a história, também fazem parte dessa socialização da leitura.

Uma das melhores coisas de se perceber, felizmente, é que, no geral, todo o volume de leitura aumentou.

Embora livros ainda sejam coisas bem pessoais, os dispositivos de leitura digital já permitem o compartilhamento de conteúdo, como é o caso do Kobo Vox e também do Kindle, que permite compartilhar direto do aparelho trechos interessantes dos livros, além de permitir ao usuário visualizar os grifos mais populares nas obras adquiridas nas lojas. Isso não seria possível em livros impressos.

 

Publique seu livro (ebook ou impresso) com prazos de entrega ágeis, qualidade técnica superior e condições de pagamento facilitadas.

Saiba mais


Deixe um comentário

Chat via Whats (51) 98628-2293