KDP Select Amazon

Amazon Anuncia Nova Limpeza Para se Livrar de eBooks Copiados e Ruins

da Redação Ebooks, Notícias 2 Comments

Sim, esse é um problema em que poucos pensam. Quando se tem uma gigante plataforma de auto-publicação – como é o caso da Amazon – é preciso lidar com alguns problemas muito delicados como plágio e spam. Spam em livros? Pois é, mais um outro problema que não existia no mundo do livro impresso, e que agora é uma realidade.

O que impede uma pessoa de má índole adquirir um livro digital e republicá-lo na loja da Amazon? Quase nada, fora a fiscalização do site. O que impede um espertinho de copiar conteúdo da Wikipédia, ou simplesmente pegar uma obra de domínio público e republicar, ganhando em cima de conteúdo que está disponível pela rede? Quase nada também, a não ser os “bota foras” e “limpezas de garagem” que a Amazon faz vez ou outra.

Mas não basta fazer a limpeza, é preciso que a Amazon crie algoritmos cada vez mais complexos e espertos, prontos para encontrar conteúdo repetido e copiado no enorme acervo de auto-publicados do Kindle Direct Publishing. A Amazon batalha por isso, e pede também a compreensão de seus “parceiros”. No fórum do serviço, a empresa avisa que não irá mais aceitar “conteúdo que está disponível gratuitamente na web, a menos que você seja o proprietário dos direitos autorais do conteúdo” ou cujo “conteúdo seja indiferenciado ou pouco diferenciado de um ou mais livros”.

Porém, não é só isso que pode ser considerado lixo, e há uma novidade aqui. A Amazon informa também que não irá mais aceitar eBooks que providenciem uma experiência pobre ao cliente. O que isso quer dizer? “Os exemplos incluem livros mal formatados e livros com títulos, capas ou descrições de produtos enganadoras”, segundo o site.

Pois é. Com tantos eBooks em seu catálogo, agora a Amazon pode se dar ao luxo de catapultar livros digitais que não sejam bons o suficiente par ao cliente. Embora possa parecer uma segregação, finalmente haverá um filtro, obrigando o autor a pelo menos formatar corretamente sua obra. Gostei de ver.

Com informações do The Bookseller.

Para publicar seu ebook ou livro impresso, nas principais livrarias online, conheça o serviço de publicação da Simplíssimo. Desde 2010 a Simplíssimo já comercializou mais de 1 milhão de exemplares, para mais de 1.500 autores e editoras. Veja como funciona.

 

Sobre o autor

da Redação

Para entrar em contato com a redação do Revolução eBook, escreva para sac@simplissimo.com.br

SimplíssimoAmazon Anuncia Nova Limpeza Para se Livrar de eBooks Copiados e Ruins

Comments 2

  1. Eu fiquei surpreso ao saber disso, “aqui” também.
    Quando comprei meus primeiros livros na Amazon, em português, fiz várias pesquisas e me deparei com cada livro “estranho” po lá, que me deixou confuso e até um pouco perturbado.

    Pensei: como é possível “a gigante” manter nos seus servidores, livros com ‘acabamentos’ de segunda?

    Comprei alguns livros “estranhos” que li e até gostei, mais porque fixei-me mais no conteúdo do que na formatação, capa, etc.

    Confesso que “até” me senti impelido a, também, preparar um livro de um dos meus clientes, convertê-lo para .mobi e enviar para a Gigante.

    Mas, derrapei e me deparei com isso que você diz aqui: e quanto a qualidade? E se esse trabalho que eu fizer, de um cliente, for considerado “lixo”? Hummm, só de imaginar tal coisa me deu calafrios!

    Penso não ser discutível os gostos e preferências de leitura e autor (a), mas alguns que li no meu kindle, de acordo com o que o você diz aqui Stella, e eu assino embaixo, seriam ‘barrados’ na filtragem.

    Abs.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *